PRAGAS URBANAS
FALE COM A GENTE
SOLICITE UMA INSPEÇÃO

MORCEGOS

Abrigos:

  • Cavernas;
  • Frestas em rochas;
  • Forros e sótãos;
  • Porões;
  • Edificações;
  • Folhagens e copa de árvores;
  • Palmeiras.

Prevenção:

  • Fechar orifícios e vãos que permitam a entrada dos morcegos em sótão e sob telhados;
  • Colocar telhas de vidro nos telhados para permitir a entrada de luz.

Doenças Transmitidas e Patógenas Veiculadas

  • Raiva;
  • Brucelose.

Métodos de Controle

  • A ocorrência destes animais deve ser notificada aos órgãos competentes para que estes adotem as medidas cabíveis. Os métodos de controle englobam medidas de restrição aos morcegos e a utilização de substâncias químicas anti-coagulantes as quais são de uso exclusivo de órgãos oficiais;
  • Os métodos restritivos incluem a utilização de barreiras que protejam os animais dos morcegos. A barreira de luz pode ser eficiente, podendo ser utilizada em pequenas áreas, tendo como desvantagem o alto custo e a restrição a um pequeno número de animais. A barreira física com telas impede o acesso dos morcegos aos animais, porém com um custo elevado conforme o material e área a ser protegida.

Você tem Problemas com Pragas Urbanas?

ENTRE EM CONTATO AGORA CONOSCO.

ENVIE UMA MENSAGEM!